Em 2019, NAV Portugal gere mais 4,4% de movimentos nas Torres de Controlo

As dez torres de controlo da NAV Portugal geriram um total de 535,4 mil movimentos1 ao longo de 2019, número que compara com os 512,6 mil voos geridos no ano anterior, representando um crescimento total de 4,4%. Ainda assim, três Torres de Controlo registaram quebras de tráfego ao longo do ano passado.

Em termos relativos, a torre de controlo do aeródromo de Cascais foi quem registou o maior incremento de actividade no ano passado, tendo as equipas da NAV Portugal gerido um total de 50.024 movimentos nesta infra-estrutura em 2019, mais 22,6% do que no ano anterior, para uma média diária de 137 voos. 

Ao contrário de outros aeroportos, em Cascais a grande maioria do tráfego é VFR (Visual Flight Rules), já que este é um espaço privilegiado para escolas de aviação. 

O dia de maior tráfego em Cascais ao longo de 2019 registou-se a 04 de Dezembro, dia em que as equipas do aeródromo controlaram um total de 334 voos (95% dos quais VFR), embora Setembro tenha sido o mês mais movimentado – com 5.700 voos.

O segundo maior crescimento em Portugal Continental foi registado a Sul, com a Torre de Controlo da NAV Portugal no aeroporto de Faro a registar mais 5,5% de voos geridos no ano passado, totalizando 81.641 movimentos no ano, ou seja uma média de 224 voos/dia.
O dia de pico registou-se a 10 de Agosto, quando as equipas locais geriram 384 voos, tendo este sido, aliás, o mês mais movimentado em Faro.                                                            

 

Em relação aos aeroportos mais movimentados do país, Porto e Lisboa, ambos registaram crescimentos no ano passado, destacando-se o aeroporto Humberto Delgado, com perto de 223 mil movimentos em 2019.

A Torre de Controlo em Lisboa registou um acréscimo de 2,3% nos movimentos no ano passado, para 222.984, contra os 217.871 movimentos em 2018, o que coloca a média diária do tráfego gerido pelas equipas locais naquela infra-estrutura nos 611 voos.

O pico deu-se a 09 de Agosto, com um total de 709 movimentos, e o mês mais movimentado foi Julho, com 21.063 movimentos. 

No aeroporto Sá Carneiro, a Torre de Controlo aproximou-se dos 110 mil movimentos geridos em 2019, um crescimento de 3,6% vs. 2018, quando o total se fixou em 105.981. Em média, as equipas do Porto controlaram um total de 301 voos a cada dia do ano passado. 

No Porto, o dia de pico ocorreu a 08 de Setembro, quando foram controlados 396 voos e o mês mais movimentado foi Julho, com 10.938 movimentos.

No arquipélago dos Açores, onde a NAV gere as Torres de Controlo de Ponta Delgada, Horta, Flores e Santa Maria, com destaque para o crescimento de 6,6% nos movimentos registados em São Miguel e de 5,2% nas Flores. 

Em Ponta Delgada, as equipas da NAV Portugal geriram 24.960 voos em 2019, mais 6,6% que no ano anterior, situando a média diária deste aeroporto nos 68 voos. Agosto foi o mês mais movimentado, com 2.823 movimentos registados. O dia de pico no aeroporto João Paulo II registou-se a 26 de Julho, com 102 voos controlados.

No caso da Horta, nota prévia para salientar que esta Torre de Controlo gere não só os voos no Faial, como também de outras ilhas do grupo central, no caso Graciosa, Pico e São Jorge. 

Ao todo, as equipas no Faial geriram 11.698 voos em 2019, mais 3% que em 2018, o que colocou a média diária em 32 voos.
Em Julho registou-se o mês mais movimentado nesta Torre de Controlo em 2019, com 1.470 movimentos.
Em termos de pico, a Horta atingiu 56 voos controlados em dois dias - 22 de Julho e 12 de Agosto. 

 

Já as Torres de Controlo dos aeroportos nas ilhas de Santa Maria e Flores registaram evoluções opostas ao longo de 2019, com uma quebra de 5,2% e uma subida de 5,2% respectivamente. 

Em Santa Maria, a Torre geriu um total de 2.971 voos em 2019, ou seja, uma média de oito voos por dia, registando também dois dias de pico, a 18 de Janeiro e 27 de Junho, ambos com 18 movimentos. 

Nas Flores, o dia de pico foi igualmente de 18 voos, (22 de Julho), tendo esta Torre de Controlo gerido um total de 2.227 movimentos em 2019, mais 5,2% vs. 2018. Em média foram controlados seis voos por dia pelas nossas equipas nesta ilha.

Tudo somado, a NAV geriu um total de 41.856 movimentos no arquipélago dos Açores em 2019, valor que compara com 40.022 em 2018.

No arquipélago da Madeira o ano de 2019 fica marcado por quebras nos movimentos em ambos os aeroportos da região, com as Torres de Controlo da NAV Portugal a registarem menos movimentos no Funchal e sobretudo em Porto Santo. 

Na ilha da Madeira, registaram-se 25.839 voos no ano passado (-3,3%), o que em média significa 71 voos por dia, tendo o pico sido registado a 19 de Agosto, com as nossas equipas a controlarem um total de 116 voos. Agosto foi o mês mais movimentado, com 2.480 entradas/saídas.

No ano passado, e no aeroporto de Porto Santo o total de movimentos recuou 14,7% para 3.261 voos. Em média foram controlados nove voos por dia, tendo o pico sido

#EstamosON

Corona - Covid19

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Publicidade

Actualidade