TAP acompanha a situação da suspensão dos voos para os EUA

TAP acompanha a situação da suspensão dos voos para os EUA
Divulgação

Depois do anúncio dos Estados Unidos de suspenderem os voos de, e, para a Europa, a TAP referiu que "manterá os seus clientes informados".

 

Na madrugada do dia 12 de Março o Presidente dos Estados Unidos decidiu suspender todos os voos provenientes da Europa para aquele país. Também não existirão voos com saída de solo americano para o continente europeu. Estas medidas não incluem os cidadãos residentes nem os do Reino Unido.

Perante esta situação, a TAP enviou um comunicado ao final do dia onde refere "a TAP manterá os seus clientes informados à cerca dos seus voos".

No mesmo comunicado a companhia explica que todas as "viagens reservadas antes de 08 de Março e para voos com partida até 31 de Maio, os Clientes podem agora alterar a sua viagem e até o destino, para novo voo a ser feito até ao prazo alargado de 31 de Dezembro, sem pagamento de qualquer taxa de alteração". Ver mais condições aqui

No entanto "para as viagens cujas reservas forem efectuadas entre 08 e 31 de Março, aplicam-se as regras que já estavam em vigor ao abrigo da campanha 'Reserve com Confiança'"

Devido ao grande fluxo de alterações que a Companhia está a receber, é sugerido aos passageiros que usem "a ferramenta 'manage my booking', através da qual os clientes podem gerir a sua reserva".

A empresa, no mesmo comunicado, refere para que "possa servir melhor os seus clientes e para que os possa contactar de forma a fornecer todas as actualizações referentes às suas viagens, que estes actualizem os seus contactos na reserva, nomeadamente contrato de telemóvel próprio, email pessoal e número de passaporte. Esta actualização de dados é muito fácil e pode ser feita após o login no seu perfil".

Contactamos também a Ibéria para saber que medidas a Companhia iria tomar, mas a mesma não respondeu.

#EstamosON

Corona - Covid19

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Publicidade

Actualidade