Vinalies elege Quinta de S. Sebastião Reserva como Melhor Vinho Tinto

O Quinta de S. Sebastião Reserva 2015 recebeu o prémio de Melhor Vinho Tinto do Vinalies 2020, com 95 Pontos.


A este concurso que decorreu em Paris entre 28 de Fevereiro e 03 de Março, apresentaram-se mais de 3.000 vinhos, de mais de 45 Países.

A Quinta de S. Sebastião desde 1755 que produz e contribui decididamente para a qualidade dos vinhos da Arruda e agora, mais do que nunca, sentimos a responsabilidade de continuar a ser reconhecidos e diferenciados pela excelência dos nossos vinhos”, afirma António Parente, proprietário da Quinta.


Também  Filipe Sevinate Pinto, enólogo consultor deste projecto vitivinícola, salienta que “o Clássico está sempre na moda. Uma região milenar na produção de vinhos, uma Quinta secular e condições naturais únicas onde as encostas e a proximidade do mar definem um perfil clássico de grande equilíbrio, elegância e frescura”.

E adianta: “É uma honra fazer parte deste projeto e a Arruda dos Vinhos (na Região de Lisboa) sai vitoriosa no panorama mundial pela forma como tem mantido a atividade vitivinícola na região e pelas oportunidades que terá no futuro”.


O Quinta de S. Sebastião Reserva Tinto é um blend das castas Merlot, Touriga Nacional e Syrah, de vinhas maioritariamente de encosta, ao alto, em solos argilo-calcários, na Arruda dos Vinhos, que tem um clima mediterrâneo com forte influência Atlântica.


Este Vinho Regional Lisboa tem cor granada profunda, aroma com notas de fruta madura, flores de laranjeira e algumas especiarias bem casadas com as notas tostadas obtidas durante os 12 meses de estágio em barricas de carvalho francês. Na boca é um vinho intenso e elegante, com taninos a assegurar uma evolução favorável nos próximos anos. Acompanha bem carnes vermelhas, enchidos, lombo de porco assado com castanhas e cozido à portuguesa.


Ainda no Concurso Vinalies 2020, a somar a esta pontuação do Quinta de S. Sebastião Reserva Tinto de 2015, também o S. Sebastião Touriga Nacional de 2017 (86 pontos) o Mina Velha Tinto de 2018 (87 pontos) foram distinguidos com diploma de Ouro.

#EstamosON

Corona - Covid19

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Publicidade

Actualidade