Oeiras celebra o Natal com "o Conto Maravilhoso"

Oeiras celebra o Natal com "o Conto Maravilhoso"
Divulgação

O Natal no Palácio Encantado deste ano, terá como tema O Conto Maravilhoso e decorrerá nos dias 14 e 15 de Dezembro, no Palácio do Marquês de Pombal, em Oeiras.

Em O Natal no Palácio, e partindo do cruzamento de alguns dos mais conhecidos contos de fadas que têm perdurado no nosso imaginário, haverá a apresentação de "momentos teatrais em várias salas do Palácio, onde personagens bem conhecidas - como o Aladino, o Capuchinho Vermelho, o Lobo Mau, a Alice, o Coelho Branco, o Chapeleiro Louco, a Lebre de Março ou a Gata Borralheira-, vão estar a receber os visitantes", anuncia a autarquia em comunicado.

Estas personagens e outras, que "também circularão pelo resto do Palácio, vão contracenar e confrontar o público com questões que aludirão às histórias, com sonoplastia, cenografia e guarda-roupa adequados ao tema", refere o comunicado.

Assim como "na Sala de Jantar do Palácio existirá um Salão de Chá, dinamizado por pastelarias locais, numa pareceria estabelecida entre o Município e a ACECOA" - Associação Comercial e Empresarial dos Concelhos de Oeiras e Amadora. O evento contará, ainda, com a presença de "estabelecimentos comerciais, o que proporcionará aos visitantes a possibilidade de fazerem algumas das suas compras de Natal num espaço diferente, promovendo também desta forma o comércio do concelho", refere a autarquia.

O Natal no Palácio contará, também, com "animação nos jardins, onde estarão equipamentos lúdicos para as crianças brincarem e se divertirem", explica o comunicado.

Confirmados, estão o St. Dominics Gospel Choir para a noite de sábado e, no domingo, o Coro de Santo Amaro de Oeiras.

Nestes dois dia haverá também música, oficinas, contos, magia, cinema e workshops de doçaria.

É deste modo que, como é habitual, o Município de Oeiras "oferece ao público a oportunidade de celebrar a época natalícia de uma forma original e longe do rebuliço das compras, dando a alternativa de se poder conhecer este monumento, ao mesmo tempo que se tem acesso a uma programação cultural diversificada", concluiu.

Fim do Ano

Fim do Ano

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Publicidade

Actualidade